Especial Banheirão – Parte 2

E a saga em busca de aventuras sexuais nos banheiros públicos continua! Banheirão faz parte da cultura sexual gay? Acho que pra muito sim! é TABU? Acho que não! Acredito que muitos homens só tem esse local para realizarem ou colocarem os seus desejos sexuais pra fora, afinal nem todo mundo é assumido e mora em São Paulo, Rio de Janeiro que são cidades que tem centenas, milhares de opções de lugares pra fazer sexo, e mesmo que tenha, tem um ar meio démodé nisso. Imagina que a 50 ou 60 anos atrás quando não existia saunas, boates, bares, aplicativos de relacionamento, uma das poucas opções era fazer banheirão. Eu nunca fiz, mas sou de uma geração já com muita opção, provavelmente se eu tivesse meus 50 ou 60 anos agora, na juventude tivesse feito muito banheirão porque talvez era a melhor opção pra fazer pegação. Já no caso das gays de hoje ao meu ver tem uma pagada mais fetichista mesmo, mas isso é só a minha opinião.

Especial Banheirão – Parte 1

2 comments

  1. Nossa eu tentei ,mas pra mim não rola ,e um ordor horrível ,e fora q é estranho ,já tentei mas de 10 vezes( e quando vc pode dizer realmente q não gosta de algo) ,mas tem pessoas q curtem.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.